Muito Além de Carne Fraca: Ser Vegano Não É O Que Você Pensa

ser vegano
Fonte: freepick

Atualmente, quando se trata de uma alimentação saudável, muitas pessoas já pensam em dietas absurdas e sacrifícios para alcançar um corpo tido como o ideal. Porém, existem meios pelos quais é possível melhorar a sua saúde corporal, sem colocar a sua vida em risco, que é ser vegano.

ser vegano
Fonte: pxhere

A grande discussão que se cria ao redor desse assunto é em relação ao suprimento dos nutrientes que o organismo precisa para se manter, o que faz com que muitas pessoas tenham uma visão equivocada sobre esse hábito alimentar, que também pode ser considerado como um estilo de vida.

E justamente por essa intepretação errada é comum se deparar com informações que não são condizentes com o perfil e diretrizes do veganismo. Isso, além de prejudicar o esclarecimento sobre o tema, também coloca em posição de dúvida aquelas pessoas que desejam se tornar adeptas.

Dessa forma, se você deseja ser bem informado e conhecer a verdadeira realidade em ser vegano, continue acompanhando esse artigo e veja as orientações para não cair no senso comum e ter uma interpretação sensata sobre o veganismo.

ser vegano e saudável
Fonte: pxhere

Desmistificando o Veganismo: Como Ser Vegano e Saudável

Na correria do nosso dia a dia, muitas vezes não paramos para pensar nos alimentos do prato do almoço, o processo de produção da carne ou até mesmo no sapato de couro que estamos usando. Por outro lado, ser vegano exige essa análise e consciência de tudo o que consumimos diariamente.

O veganismo tem por definição evitar que qualquer animal seja morto ou sofra exploração para prover alimentos e produtos ao ser humano. Assim, a visão que se tem é de preservação e consumo consciente e sustentável, a partir de escolhas que são saudáveis e éticas.

Entretanto, compreender esse conceito é um obstáculo para algumas pessoas, que por não saberem como se dá o processo de mudança alimentar e estilo de vida, acabam difundindo mitos sobre o veganismo. Para desmistificar o tema, confira a seguir algumas informações que são importantes de serem divulgadas:

  • Existe uma diferença entre a prática do veganismo e do vegetarianismo, sendo que este último não se alimenta apenas de carne. Os veganos são considerados mais à frente no sentido de também não consumirem produtos diversos que são derivados dos animais.
  • Os veganos não tem deficiência de cálcio, pois existem outras fontes de alimentos que proporcionam a obtenção desse nutriente, que é muito comum no leite de vaca. Para isso, basta se alimentar de folhar verdes escuras, como couve, brócolis e leite vegetal fortificado.
  • A soja é um bom exemplo de alimento que substitui o consumo da carne, uma vez que é considerada uma excelente fonte de proteína e supre as necessidades diárias do organismo por esse nutriente.
  • A alimentação vegana faz muito bem para saúde, já que diminui o colesterol e evita que se desenvolva algum tipo de câncer, mesmo que a pessoa não consuma mais carnes e seus derivados. E assim como toda mudança alimentar é preciso fazer o acompanhamento nutricional.
  • Quem acha que o veganismo é indicado para emagrecer e é apenas uma dieta momentânea está muito engano. Ser vegano é um estilo de vida que se baseia em princípios éticos com a alimentação e consumo. Sendo assim, é indicado para aqueles que realmente querem mudar sua visão sobre toda a cadeia alimentar e de produção.
  • O veganismo não apresenta restrições, ou seja, qualquer pessoa, independentemente da idade, desde crianças até idosos, podem adotar uma dieta vegana para o seu cardápio e mudar os seus pensamentos de consumo, desde que com o correto acompanhamento nutricional.
  • Na dieta vegana a proteína pode ser encontrada em diversos alimentos, como no feijão, soja, grão de bico, cereais, brócolis, couve, dentre outras opções.
  • As pessoas acham que ao se tornar vegano não é possível ter ganho de massa muscular, mas pelo contrário, como a ingestão de proteínas acontece normalmente, o organismo consegue desenvolver os músculos.
  • Há quem pense que a prática do veganismo é muito caro, mas, hoje em dia, você consegue encontrar com facilidade os substitutos e alimentos saudáveis com um ótimo custo benefício, assim, o valor não passa a ser uma desculpa para não mudar o estilo de vida.
  • Como já foi dito, qualquer pessoa pode se tornar vegano, assim como os esportistas, que apesar de terem a necessidade de uma alimentação saudável e extremamente controlada, também pode conseguir suprir sua demanda nutricional em uma dieta vegana.

Por isso, se informe melhor sobre as notícias que circundam o universo vegano, pois, infelizmente, existem pessoas mal informadas que não são bons exemplos a serem adotados para a mudança alimentar. Busque sempre pela ajuda de um profissional capacitado, pois ele será a melhor opção para lhe esclarecer todas as dúvidas sobre esse tema.

ser vegano e saudável
Fonte: pxhere

A escolha em ser vegano vai muito além de praticar hábitos saudáveis, é preciso se identificar com todos os princípios que regem o conceito do veganismo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *